Assistência pré-natal relacionada à prevenção do diabetes gestacional na unidade básica de saúde da família - independência, no município de Araguari - MG

Autores

  • Caroliny Gonzaga Marques
  • Carolina Rosa Godinho
  • Evelyn Okada Yamagami
  • Gabrielle Coimbra Mundim
  • Anicésia Cecília Gotardi Ludovino
  • Lívia Coutinho Cardoso

DOI:

https://doi.org/10.47224/revistamaster.v8i15.425

Palavras-chave:

Assistência pré-natal; Prevenção de doenças; Diabetes gestaciona; Atenção primária

Resumo

INTRODUÇÃO: A gestação é caracterizada pela resistência à insulina, que por múltiplos fatores pode ocasionar no diabetes gestacional, assim, para evitar complicações materno-fetais, é necessário um acompanhamento adequado no pré-natal. OBJETIVO: Investigou os impactos da assistência pré-natal sobre a ocorrência do diabetes gestacional no município de Araguari-MG. MÉTODO: Foi realizado um estudo qualitativo exploratório composto por um grupo focal com cinco gestantes cadastradas na UBSF Independência. Foram realizadas entrevistas em duas fases, no segundo e terceiro trimestre. DISCUSSÃO E RESULTADOS: As gestantes foram entrevistadas e relataram o conhecimento da importância do pré-natal, mas com dificuldades para o acompanhamento devido a locomoção dificultada e rede de apoio escassa. Assim, apesar de saberem da relevância do pré-natal, ainda existem obstáculos que dificultam a adesão. Ademais, 4 gestantes afirmaram não saber como se desenvolve o diabetes mellitus gestacional (DMG) e as consequências para mãe e para o feto. Portanto, foi notório que as ações de promoção, proteção à saúde, prevenção de agravos e redução de danos da atenção primária não foram adequadas, e observou-se que uma assistência pré-natal qualificada tem o impacto para diminuir a incidência do DMG e comorbidades. CONCLUSÃO: A análise qualitativa identificou os desafios enfrentados pelas gestantes para a adesão, o conhecimento do pré-natal e do diabetes gestacional, e os impactos nos hábitos de vida por meio da informação passada durante as consultas. Assim sendo, é irrefutável a imperiosidade da comunicação médico-paciente visto que as gestantes com maior compreensão da finalidade do pré-natal tiveram maior adesão às consultas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ABI-ABIB, Raquel C.; CABIZUCA, Carolina A.; CARNEIRO, João Regis I.; BRAGA, Fernanda O.; COBAS, Roberta A.; GOMES, Marília B.; JESÚS, Guilherme R. de; MIRANDA, Fátima R. D. Diabetes na gestação. Revista Hospital Universitário Pedro Ernesto, Rio de Janeiro, v. 13, n. 3, p.40-47, 29 jul. 2014.

BARREIROS, Barbara; FRANCO, Camila; DOHMS, Fernanda. Conceitos Gerais: Habilidades essenciais para a comunicação clínica efetiva. In: DOHMS, Marcela; GUSSO, Gustavo (org.). Comunicação Clínica: Aperfeiçoando os encontros em saúde. Porto Alegre: ARTMED, 2021. cap. 1, p. 1-16. Disponível em:

https://integrada.minhabiblioteca.com.br/reader/books/9786581335250/epubcfi/6/24[%3Bv nd.vst.idref%3Dc1.xhtml]!/4[Completo-6]/2/238/5:59[nd%20%2Chea]. Acesso em: 1 set. 2022.

BOMFIM, Lenny A. Grupos focais: conceitos, procedimentos e reflexões baseadas em experiências com o uso da técnica em pesquisas de saúde. Physis Revista de Saúde Coletíva, Rio de Janeiro, 19 [3]:777 -796, 2009.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde Rastreamento e diagnóstico de diabetes mellitus gestacional no Brasil. Brasília: [s. n.], 2017. Disponível

em:https://www.diabetes.org.br/profissionais/images/pdf/diabetes-gestacional-relatorio.pdf. Acesso em: 9 maio 2021

BRASIL. Ministério da Saúde. Programa de humanização do parto. Humanização no pré-natal e nascimento, [s. l.], p. 5-7, 2002. Disponível em:

https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/parto.pdf. Acesso em: 8 jun. 2022.

BRASIL.Ministério da Saúde. Importância do pré-natal. ., [s. l.], 2016. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/importancia-do-pre-natal/. Acesso em: 8 jun. 2022.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Saúde de Minas Gerais. Sistema Único de Saúde (SUS). In: Sistema Único de Saúde (SUS). Disponível

em://www.saude.mg.gov.br/sus. [S. l.], 10 ago. Acesso em: 6 maio 2021.

DE OLIVEIRA, Clarissa Tochetto et al. Percepções de mulheres sobre a relação entre trabalho e maternidade. Revista Brasileira de Orientação Profissional, [s. l.], 2014. DOI https://www.redalyc.org/pdf/2030/203035764005.pdf. Disponível em: 2014. Acesso em: 9 jun. 2022.

FEBRASGO. Manual de Assistência Pré-Natal. São Paulo,2019. 82 p. Disponível em: https://portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br/wpcontent/uploads/2019/07/304_Manual_Pre_nat al_25SET.pdf . Acesso em 27 abril 2021.

FEBRASGO. Tratado de obstetrícia. – Rio de Janeiro: Elsevier, 2019.

FONTCUBERTA , Josep; NAVARRO, Manuel. Ferramentas de abordagem: Entrevista Motivacional. In: DOHMS, Marcela; GUSSO, Gustavo (org.). Comunicação Clínica: Aperfeiçoando os encontros em saúde. Porto Alegre: ARTMED, 2021. cap. 4, p. 35-46. Disponível em:

https://integrada.minhabiblioteca.com.br/reader/books/9786581335250/epubcfi/6/8[%3Bvn d.vst.idref%3DCreditos.xhtml]!/4[Completo-1]/2[page_iv]/40/1:60[/21%2C47]. Acesso em: 1 set. 2022.

FLICK, Uwe. Métodos de Pesquisa - Introdução à pesquisa qualitativa. 3ª edição. Artmed, Bookman-2009 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Indicadores sociodemográficos e de saúde no Brasil. Rio de Janeiro: IBGE; 2009 [citado 2014 mar 6]. (Estudos e Pesquisas. Informação Demográfica e Socioeconômica). Disponível em: http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/ populacao/indic_sociosaude/2009/

JACOB, Thales Abel; SOARES, Leticia Ramos; SANTOS, Marina Ramos; SANTOS, Lorena Ramos; SANTOS, Eduardo Ramos; TORRES, Guilherme Costa; SILVA, Vanessa

Yuri Nakaoka Elias da; KASHIWABARA, Tatiliana Geralda Bacelar. Diabetes mellitus gestacional: uma revisão de literatura. Brazilian Journal Of Surgery And Clinical Research - BJSCR, [S.l.], v. 6, n. 2, p. 33-37, 2014.

LANDERDAHL, M. C. et al. A percepção de mulheres sobre atenção pré-natal em uma unidade básica de saúde. Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, Rio de Janeiro, v. 11, n. 1, p. 105-111, mar. 2007.

OLIVEIRA, Carlos Capistrano Gonçalves; MELO, Silvia Beatriz Fonseca de; PAIVA, Ismar; PEGADO, Ana Mercia; WANDERLEY, Silva. Diabetes gestacional revisada: aspectos bioquímicos e fisiopatológicos. Revista Humano Ser - Unifacex, Natal-RN, v. 1, n. 1, p. 60-73, 2014.

POPE, C.; Mays, N. Pesquisa qualitativa na atenção à saúde. 3ª edição. Artmed - 2009.

ROSA, Cristiane Quadrado, et al. Fatores associados à não realização de pré-natal em município de grande porte. Prática de Saúde Pública, [s. l.], 2014. DOI

I:10.1590/S0034-8910.2014048005283. Disponível em: http://www.epi.uff.br/wp-content/uploads/2014/08/artigo-caso-controle.pdf. Acesso em: 8 jun. 2022.

SOUSA, Vivian Braga Gomes de; MEIRELES, Ana Vaneska Passos; FROTA, Julyanne Torres; GARCIA, Maria Miriam da Cunha Melo; NOBRE, Raquel Guimarães. Gestação e diabetes: relação entre estado nutricional e o controle glicêmico. Revista Brasileira em Promoção da Saúde, Fortaleza, v. 27, n. 4, p. 541-549, 2014.

SCHOPES D, ALMEIDA MF, ALENCAR GP, FRANÇA Jr I, NOVAES HMD, SIQUEIRA AAF, et al. Fatores de risco para mortalidade neonatal precoce. Rev Saude Publica. 2007;41(6):1013-22. DOI:10.1590/S0034-89102007000600017

TAVARES MGR, et al. Profile of pregnant women with gestation diabetes mellitus at increased risk for large for gestational age newborns. Rev bras ginecol. obstet, 2019; 41: 298-305.

YESSOUFOU, A; MOUTAIROU, K. Maternal diabetes in pregnancy: early and long-term outcomes on the offspring and the concept of “metabolic memory”. Exp Diabetes Res.2011:218598

Downloads

Publicado

2023-09-26

Como Citar

CAROLINY GONZAGA MARQUES; CAROLINA ROSA GODINHO; EVELYN OKADA YAMAGAMI; GABRIELLE COIMBRA MUNDIM; ANICÉSIA CECÍLIA GOTARDI LUDOVINO; LÍVIA COUTINHO CARDOSO. Assistência pré-natal relacionada à prevenção do diabetes gestacional na unidade básica de saúde da família - independência, no município de Araguari - MG. Revista Master - Ensino, Pesquisa e Extensão, [S. l.], v. 8, n. 15, 2023. DOI: 10.47224/revistamaster.v8i15.425. Disponível em: https://revistamaster.imepac.edu.br/RM/article/view/425. Acesso em: 28 maio. 2024.